Assuntos de Goiás TV

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Fla diz que ficará melhor s/ R10 @Reinaldo_Cruz @10Ronaldinho_ @Flamengo_R10_ @SC_Corinthian_s @QB_7


"Sempre tratamos os assuntos relacionados ao Ronaldinho em alto nível e internamente. Não esperávamos uma atitude como essa. Agora, o caso está nas mãos de nosso departamento jurídico, que irá tomar todas as medidas legais para proteger os interesses do Flamengo. O clube é maior do que qualquer pessoa e vai ser assim para sempre", afirmou a presidente do Flamengo, Patricia Amorim.
Ronaldinho cobra na Justiça trabalhista uma dívida de cerca de R$ 40 milhões referentes a 12 meses de previdência, fundo de garantia e mais cinco meses de salários que dizem respeito aos direitos de imagem.
No entanto, o vice-presidente jurídico do Flamengo, Rafael De Piro, explicou que existe uma grande diferença entre o valor pedido pelo jogador na Justiça e a dívida que o Flamengo tem com ele.


Dólar em alta valoriza 5,79% no mês @Reinaldo_Cruz @10Ronaldinho_ @Flamengo_R10_ @SC_Corinthian_s @QB_7

O dólar voltou a avançar ante o real nesta quinta-feira (31), após cair durante os primeiros negócios da sessão, e terminou o último dia do mês com alta de 0,1%, acima do patamar de R$ 2, acompanhando principalmente o cenário externo
A moeda norte-americana encerrou o pregão cotada a R$ 2,0175, depois de cair a R$ 2,0031 na mínima da sessão. Na quarta-feira, o dólar tinha fechado a R$ 2,0155, em alta de 1,46%, voltando a superar a barreira dos R$ 2.
O dólar encerrou maio acumulando valorização de 5,79% no mês. Trata-se do terceiro mês seguido de alta do dólar frente ao real. No ano, a alta é de 7,97%.
A escalada do dólar continuou em maio mesmo com uma ação mais contundente do Banco Central, por meio de leilões de swap cambial tradicional -que equivalem a venda de dólares no mercado futuro. O BC, entretanto, não intervém no mercado há três sessões consecutivas.
"Como os dados dos Estados Unidos vieram ruins, isso ajudou a puxar o dólar para cima, mas há também as commodities que estão em baixa ... e isso também puxa uma alta na cotação", avaliou o operador de câmbio da Interbolsa do Brasil Ovidio Soares.
O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos cresceu a uma taxa anual de 1,9%, informou o Departamento do Comércio nesta quinta-feira, em sua segunda estimativa, ante primeira leitura no mês passado de 2,2%.
A queda nos preços das commodities ajudava a puxar a alta do dólar no mercado de câmbio brasileiro, depois que a Índia reportou forte desaceleração do seu crescimento no primeiro trimestre do ano.
Para o gerente de câmbio da Treviso Corretora, Reginaldo Galhardo, o dólar passou a subir refletindo os dados nos Estados Unidos, mas ele acredita que os investidores estão usando o movimento para observar o comportamento do Banco Central no mercado de câmbio.


Demóstenes calado. E CPI aos Gritos @Reinaldo_Cruz @10Ronaldinho_ @Flamengo_R10_ @SC_Corinthian_s @QB_7

Demóstenes é suspeito de ter utilizado o mandato para beneficiar os negócios do contraventor Carlinhos Cachoeira. Em depoimento no Conselho de Ética do Senado na terça, ele negou a acusação.
Demóstenes chegou à CPI às 10h40 e logo afirmou que não responderia a perguntas e permaneceria em silêncio durante a sessão, usando a "faculdade prevista na Constituição Federal de permanecer calado".
Assim que Demóstenes manifestou a intenção de não falar, o deputado Silvio Costa (PTB-PE) começou a questionar a postura do colega, chamando-o, aos gritos, de "hipócrita" e "mentiroso".
"Se o céu existir, o senhor não irá para o céu, porque o céu não é lugar de mentiroso. Não é lugar de gente hipócrita!", disse Costa.
O senador Pedro Taques (PDT-MT) então pediu a palavra e repreendeu a atitude de Costa, defendendo o direito de Demóstenes ficar calado. "A Constituição diz que devemos tratar a todos com urbanidade. Não cabe a qualquer parlamentar expor o outro, mesmo em se tratando de CPI", afirmou.

http://g1.com


Demóstenes calado. E CPI aos Gritos @Reinaldo_Cruz @10Ronaldinho_ @Flamengo_R10_ @SC_Corinthian_s @QB_7

Demóstenes é suspeito de ter utilizado o mandato para beneficiar os negócios do contraventor Carlinhos Cachoeira. Em depoimento no Conselho de Ética do Senado na terça, ele negou a acusação.
Demóstenes chegou à CPI às 10h40 e logo afirmou que não responderia a perguntas e permaneceria em silêncio durante a sessão, usando a "faculdade prevista na Constituição Federal de permanecer calado".
Assim que Demóstenes manifestou a intenção de não falar, o deputado Silvio Costa (PTB-PE) começou a questionar a postura do colega, chamando-o, aos gritos, de "hipócrita" e "mentiroso".
"Se o céu existir, o senhor não irá para o céu, porque o céu não é lugar de mentiroso. Não é lugar de gente hipócrita!", disse Costa.
O senador Pedro Taques (PDT-MT) então pediu a palavra e repreendeu a atitude de Costa, defendendo o direito de Demóstenes ficar calado. "A Constituição diz que devemos tratar a todos com urbanidade. Não cabe a qualquer parlamentar expor o outro, mesmo em se tratando de CPI", afirmou.

http://g1.com


quarta-feira, 23 de maio de 2012

São Paulo pode anunciar Rafael Tolói @Assuntosdegoias @Reinaldo_Cruz @Goias_ec @QBTV2 @QB_7 @Dribles_

Todo dia aparece na imprensa uma notícia dando conta da venda de Rafael Tóloi. Aos 21 anos, o zagueiro já foi estrela nas divisões de base da Seleção Brasileira e em 2009 acabou sendo campeão Sul-Americano Sub-20. Atualmente, o técnico Emerson Leão conta com Rhodolfo, Paulo Miranda, Edson Silva, João Filipe e Bruno Uvini para compor o sistema defensivo. O único que passa confiança é Rhodolfo, enquanto os outros ainda não mostraram um bom rendimento.
A intenção da diretoria do Tricolor é se reunir com dirigentes esmeraldinos nesta quarta-feira, quando o time irá enfrentar o Goiás, no Serra Dourada, pelas quartas de final da Copa do Brasil, para tentar a contratação de Rafael Tolói. Caso a negociação seja concretizada, o zagueiro chegaria para ser o companheiro de Rhodolfo, único jogador que tem presença certa no setor defensivo.
Rafael Tolói é um sonho antigo da diretoria do São Paulo, que já havia tentado sua contratação no ano passado. Na época, o clube esteve muito próximo de anunciar o zagueiro, que disputava a Série B do Brasileiro pelo Goiás, mas a negociação não chegou a ser concretizada, já que a diretoria esmeraldina passava por um momento de crise.

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Jadson republica xingamento a Leão no Twitter @Reinaldo_Cruz @Assuntosdegoias @QB_7 @QBTV2 @Goias_ec



Leão não aceita derrota p/ o Botafogo @Reinaldo_Cruz @Assuntosdegoias @Dribles_ @QB_7 @QBTV2 @Goias_ec


Cachoeira faz mais exigências p/depor @Reinaldo_Cruz @Assuntosdegoias @Dribles_ @QB_7 @QBTV2 @Goias_ec




domingo, 20 de maio de 2012

Final da Champions não empolga nem em 3D @Reinaldo_Cruz @Goias_ec @QBTV2 @Dribles_ @Assuntosdegoias @QB_7

Davi Luiz e Didier Drogbar estrelas do Chelsea FC
A frustração pela eliminação na semifinal do time da moda, Barcelona, e do maior rival, o Real Madrid, ainda permanecia.
"Era a final que todo mundo queria ver, mas, como gosto de futebol, vim ver Bayern e Chelsea", disse Ricardo Tavares, 28, em um shopping de São Paulo, ao justificar a ida a um dos 32 cinemas do país que exibiram a final da Copa dos Campeões em 3D.
Mas, nem com alta tecnologia, o jogo empolgou. Foi necessária a disputa dos pênaltis para que o público vibrasse de fato. Com silêncio quase total, era possível ouvir mandíbulas triturando pipoca. Quando o gol de Muller saiu, poucos vibraram.
O público festejou quando Drogba empatou a 2min do fim. E quando Cech defendeu a cobrança de Robben, na prorrogação, o cinema começou a se parecer com a arquibancada.
O ápice veio com os pênaltis. Quando Drogba se posicionou para bater, palmas de incentivo para o atacante. Com a bola na rede, o público explodiu. Mas quase ninguém ficou para ver o time erguer a taça.

Fonte: Folha de S. Paulo

Marcha para Jesus reúne 250 mil no Rio @Reinaldo_Cruz @Goias_ec @QB_7 @QBTV2 @Dribles_ @Assuntosdegoias

Organizada pela igreja evangélica, a Marcha para Jesus 2012 reuniu, na tarde deste sábado, em torno de 250 mil pessoas no centro do Rio, segundo a Polícia Militar e a Guarda Municipal. Pastores pregaram pela liberdade de expressão e contra o homossexualismo.
"Respeitamos a liberdade de cada um, mas vamos protestar até o final que o que Deus uniu foi o homem e a mulher. Não vamos abrir mão de emitirmos nossa opinião. Não é preconceito, é uma convicção formada. Esse comportamento é condenável", disse o pastor Abner Ferreira, da Assembleia de Deus em Madureira (zona norte).
Líder do evento, o pastor Silas Malafaia, da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, disse à Folha que a igreja nunca foi contra os homossexuais, mas que Deus não aceita seus atos. "Deus ama a todos, mas amar não significa aceitar seus atos".
Sete trios elétricos embalaram os fiéis. Eles saíram por volta das 14h40 da avenida Presidente Vargas e seguiram até a Cinelândia, onde diversos cantores se apresentam.
De acordo com o major Charles, subcomandante do 5° Batalhão da PM, não houve nenhum registro de roubo ou confusão.
"Esses eventos normalmente são muito tranquilos", disse à Folha.

Fonte: Folha de S. Paulo


CPI que investiga Cachoeira é a mais lenta em 20 anos @Reinaldo_Cruz @Goias_ec @QB_7 @QBTV2 @Dribles_

Durante a semana a CPI foi alvo de acordo entre governo e oposição para restringir o alcance das investigações.
A primeira tomada de depoimento público, do empresário Carlinhos Cachoeira, está marcada para terça-feira. A previsão inicial era que ocorresse na semana passada, mas os advogados de Cachoeira conseguiram no Supremo suspender a sessão alegando que não haviam tido acesso ao processo. Mesmo que o empresário tivesse dado o depoimento, o cenário da CPI em relação a comissões anteriores não mudaria.
Ainda que sejam contabilizados os depoimentos secretos dos delegados responsáveis pelas operações Vegas e Monte Carlo, a produtividade do caso Cachoeira é muito menor que outras. Em média, no mesmo período, as outras CPIs já tinham realizado oito depoimentos.
A CPI dos Bancos, criada em 1999 para investigar o auxílio oficial dado ao banqueiro Salvatore Cacciola, já tinha ouvido 17 pessoas. A do Banestado, que apurou um esquema ilegal de envio de dinheiro ao exterior, tinha feito 12 oitivas em duas semanas.
Mesmo as CPIs que contaram com blindagem mais explícita para conter maiores estragos ao Palácio do Planalto, como a dos Cartões Corporativos (2008) e a da Petrobras (2009), foram mais céleres em suas primeiras semanas de atividade, com seis e sete depoimentos, respectivamente.
O presidente da CPI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), diz que a comissão é atípica porque o "trem já estava andando" --a CPI nasceu de uma operação da Polícia Federal. "A comissão está num ritmo adequado", disse. "O governo está usando um rolo compressor", diz o deputado Fernando Francischini (PSDB-PR), eximindo de responsabilidade a oposição, que atua para impedir a convocação do governador tucano Marconi Perillo (GO).
Até quarta, a CPI do Cachoeira também se notabilizava por ser a que menos havia aprovado requerimentos. Na quinta, uma série de pedidos de convocação e quebras de sigilo foi aprovada. Ainda assim, o número de requerimentos derrubados não tem precedentes: 64 só na quinta.

Fonte: Folha de S. Paulo


segunda-feira, 14 de maio de 2012

CBF libera Neymar, Ganso e Rafael @Reinaldo_Cruz @Atletico_CG @Goias_ec @VilaNovaFC_ @QBTV2 @QB_7

Neymar, Ganso e Rafael não enfrentam a Dinamarca dia 26
O Santos pediu, e a CBF atendeu. O atacante Neymar, o meia Paulo Henrique Ganso e o goleiro Rafael estão liberados do amistoso entre Brasil e Dinamarca, dia 26 deste mês, na Alemanha. Os três só participarão dos amistosos nos Estados Unidos contra os americanos (30 de maio), México (3 de junho) e Argentina (9 de junho).
O presidente do Peixe, Luiz Álvaro de Oliveira, consultou a CBF sobre a possibilidade da liberação, já que o Santos enfrenta o Vélez pela Libertadores no próximo dia 24, um dia depois da apresentação da Seleção para a partida contra a Dinamarca.
Segundo o site da CBF, o trio santista não precisará mais se encontrar com Mano Menezes no Brasil e seguirá direto para Washington, onde o time canarinho enfrentará os Estados Unidos. A data de apresentação de Neymar, Ganso e Rafael ainda não foi confirmada.
Mano vai aproveitar o longo período que terá com os convocados para formar a Seleção das Olimpíadas de Londres. Apenas seis atletas chamados têm mais de 23 anos: os zagueiros David Luiz (Chelsea) e Thiago Silva (Milan), o goleiro Jefferson (Botafogo), os laterais Daniel Alves (Barcelona) e Marcelo (Real Madrid) e o atacante Hulk (Porto).
A equipe canarinho estreia no Grupo C dos Jogos em 26 de julho, contra o Egito, em Cardiff, no País de Gales. Três dias depois, o rival será a Bielorrússia, em Manchester. O último rival da primeira fase será a Nova Zelândia, em 1º de agosto.

Adilson Batista diz não ao Cruzeiro @Reinaldo_Cruz @Atletico_CG @Goias_ec @VilaNovaFC_ @QBTV2 @QB_7

Adilson não aceitou retornar ao Cruzeiro, que comandou entre janeiro de 2008 e junho de 2010. Segundo o treinador, o compromisso dele com o Atlético-GO foi firmado há pouco tempo, e não seria certo abandonar o clube com apenas um mês de trabalho.
O treinador também disse gostar muito do Cruzeiro e afirmou que quer voltar a comandar o time, mas que agora não é o momento certo.
O Cruzeiro segue buscando um novo técnico. Nomes como os de Celso Roth, Renato Gaúcho, Vadão e Levir Culpi são cotados na Toca da Raposa II. O time estreia no Campeonato Brasileiro, no próximo domingo, às 18h30m (de Brasília), quando enfrenta justamente o Atlético-GO, de Adílson Batista, no Parque do Sabiá, em Uberlândia.
O técnico Adilson Batista, do Atlético-GO, negou a proposta do Cruzeiro, e permanece no clube goiano para a disputa do Campeonato Brasileiro. O Cruzeiro fez uma consulta oficial ao treinador, na noite desse domingo, após a decisão do Campeonato Goiano, na qual o Atlético-GO perdeu o título para o Goiás.

Goiás empata c/ o Dragão e leva 23º título @Reinaldo_Cruz @Assuntosdegoias @Goias_ec @Dribles_ @qb_7

O Goiás sofreu, mas conseguiu conquistar o título do Campeonato Goiano 2012. Precisando apenas de um empate contra o rival Atlético-GO, neste domingo, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, o time alviverde ficou na igualdade por 1 a 1 e levou seu 23º ...

terça-feira, 8 de maio de 2012

Mercadante admite que Enem pode dar mais problemas @Reinaldo_Cruz @QB_7 @Assuntosdegoias @Aparecida_

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pode voltar a dar problemas para o Ministério da Educação, admitiu nesta segunda-feira o ministro Aloizio Mercadante, que deu uma palestra na Escola de Pós-Graduação em Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV), no Rio de Janeiro. O ministro justifica que o Enem ainda é um exame com pouco tempo de utilização (foi aplicado pela primeira vez em 1998) e que pode ter dificuldades principalmente porque tem uma magnitude muito grande.
"São 5,4 milhões de alunos, 400 mil pessoas trabalhando e 140 mil salas de aula em todo o país. E temos de manter o sigilo absoluto das questões. Precisamos checar 1,2 mil itens de segurança antes da aplicação da prova, então é claro que pode dar problema", afirmou o ministro. "Mas todos os países desenvolvidos têm uma ferramenta semelhante. O dos Estados Unidos já funciona há 85 anos e mesmo assim houve fraude no ano passado."

O último problema ocorreu no ano passado, quando 630 alunos do Colégio Christus, em Fortaleza (CE), fizeram um simulado que contava com nove questões idênticas ao exame do Enem aplicado duas semanas mais tarde. Em 2009, uma gráfica que confeccionava as provas em São Paulo permitiu o vazamento de questões.
Mercadante acredita que os problemas serão resolvidos no médio prazo. "São problemas que estamos trabalhando para solucionar. 

Tenho certeza que conseguiremos e poderemos formatar um exame que não seja aplicado apenas uma vez no ano, mas dê condições de os alunos terem uma segunda chance também." O ministro conta com o auxílio de comissões de universidades federais para elaboração de mais questões de exercícios. "Meu sonho é que a gente consiga propor 10 mil exercícios e torna-los públicos na internet. Daí o aluno que conseguir decorar todos realmente merece passar na prova", brincou.

Fonte: Jornal do Brasil

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Caso Cachoeira já influencia eleitores de Goiânia @Assuntosdegoias @Reinaldo_Cruz @BrasliaDF @cnn_br

O Prefeito Paulo Garcia (PT) lidera as intenções de voto
 Uma pesquisa pré-eleitoral divulgada nesta segunda-feira mostra que o escândalo envolvendo a influência do contraventor Carlinhos Cachoeira na política já afeta eleitores em relação a sucessão municipal em Goiânia. A sondagem, encomendada e publicada pelo jornal O Popular, diário da capital, foi feita pelo Instituto Serpes e ouviu 603 eleitores em vários bairros, no período de 1º a 4 de maio.

Ao lado de itens como intenção de votos aos pré-candidatos a prefeito de Goiânia e rejeição a cada um deles, a pesquisa perguntou também a influência da Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, que prendeu o bicheiro. A maioria dos pesquisados (26,2%) admitiu que está pensando e refletindo sobre as denúncias, 24,2% indicaram que pensam em anular o voto e 13,1% disseram que estão desiludidos com seu candidato.
No entanto, 15,3% dos entrevistados pela pesquisa afirmaram que os reflexos da Operação Monte Carlo não mudam em nada o seu voto, 12,6% declararam não ter acompanhado o noticiário e 4,8% estão mais firmes na escolha do seu candidato. Completa esta parte da pesquisa 3,2% de eleitores, que resolveram não opinar e 0,7% declarando outras respostas.

Os candidatos

Dos pré-candidatos, o atual prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), lidera a preferência do eleitor com 23,5%, mas o número de votantes que declararam anular o voto superou esta porcentagem e atingiu 25,2%. Isaura Lemos (PCdoB) aparece com 8,1%, o deputado federal Sandes Junior (PP), tem 6,5%, e o vereador do Psol Elias Vaz, 4,5%. Os deputados federais Leonardo Vilela (PSDB) e Jovair Arantes (PTB) conseguiram 4% e 3,3%, respectivamente. Já os dois pré-candidados do PSD, os deputados estadual Francisco Jr e federal Armando Vergílio pontuaram nesta estimulada, com 2% e 0,7% das intenções.Os eleitores indecisos somam 22,2% dos votos.

Em relação ao índice de rejeição, pré-candidatos citados em gravações da Operação Monte Carlo lideram. Sandes Junior tem a maior rejeição, com 40,6%, seguido de Elias Vaz, com 28,9% e Jovair Arantes, com 24,5%. O tucano Leonardo Vilela tem 18,7% de rejeição. O atual prefeito, Paulo Gracia, tem 19,7%. Os outros pré-candidatos também tiveram índices consideráveis de rejeição: Isaura Lemos (PCdoB), 23,2%, e os filiados ao PSD Francisco Jr e Armando Vergílio, 15,6% e 15,1%. O eleitores que não rejeitam ninguém somam 34%, e 6,1% não souberam responder.
A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), sob o número GO-00026/2.12, no dia 27 de abril e tem 4 pontos percentuais de margem de erro, para mais ou para menos.
Carlinhos Cachoeira
Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira
Acusado de comandar a exploração do jogo ilegal em Goiás, Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, foi preso na Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, em 29 de fevereiro de 2012, oito anos após a divulgação de um vídeo em que Waldomiro Diniz, assessor do então ministro da Casa Civil, José Dirceu, lhe pedia propina. O escândalo culminou na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Bingos e na revelação do suposto esquema de pagamento de parlamentares que ficou conhecido como mensalão.
Escutas telefônicas realizadas durante a investigação da PF apontaram contatos entre Cachoeira e o senador democrata Demóstenes Torres (GO). Ele reagiu dizendo que a violação do seu sigilo telefônico não havia obedecido a critérios legais.
Nos dias seguintes, reportagens dos jornais Folha de S.Paulo e O Globo afirmaram, respectivamente, que o grupo de Cachoeira forneceu telefones antigrampos para políticos, entre eles Demóstenes, e que o senador pediu ao empresário que lhe emprestasse R$ 3 mil em despesas com táxi-aéreo. Na conversa, o democrata ainda vazou informações sobre reuniões reservadas que manteve com representantes dos três Poderes.
Pressionado, Demóstenes pediu afastamento da liderança do DEM no Senado em 27 de março. No dia seguinte, o Psol representou contra o parlamentar no Conselho de Ética e, um dia depois, em 29 de março, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski autorizou a quebra de seu sigilo bancário.
O presidente do DEM, senador José Agripino Maia (RN), anunciou em 2 de abril que o partido havia decidido abrir um processo que poderia resultar na expulsão de Demóstenes, que, no dia seguinte, pediu a desfiliação da legenda, encerrando a investigação interna. Mas as denúncias só aumentaram e começaram a atingir ouros políticos, agentes públicos e empresas.
Após a publicação de suspeitas de que a construtora Delta, maior recebedora de recursos do governo federal nos últimos três anos, faça parte do esquema de Cachoeira, a empresa anunciou a demissão de um funcionário e uma auditoria. O vazamento das conversas apontam encontros de Cachoeira também com os governadores Agnelo Queiroz (PT), do Distrito Federal, e Marconi Perillo (PSDB), de Goiás. Em 19 de abril, o Congresso criou a CPI mista do Cachoeira.

Fonte: Site Terra

Filha de Pedro Leonardo completa 1 aninho @Assuntosdegoias @Reinaldo_Cruz @BrasliaDF @Dribles_ @QB_7

Nesta segunda (7), Maria Sofia, filha do cantor Pedro Leonardo, completa 1 aninho de vida.
A festa de aniversário já estava sendo preparada quando o pai sofreu um grave acidente de carro no último dia 20 de abril. Com o cantor internado na UTI do hospital Sírio-Libanês, em SP, a comemoração foi adiada para quando ele receber alta.
De acordo com o jornal Extra, Maria Sofia continua chamando pelo pai e tem passado os últimos dias com a mãe, Thaís Gebelein, em um apartamento de parentes de Pedro, próximo ao hospital.
A mulher do cantor frequentemente agradece o apoio dos fãs, que enviam mensagens e santos de todo o Brasil. Na internet, ela lançou a corrente #AcordaPedro no Twitter.

O acidente
Pedro Leonardo sofreu um acidente na madrugada do último dia 20 próximo a Itumbiara, em Goiás.
Formando dupla com seu primo Thiago, Pedro havia realizado um show na noite anterior em Uberlândia (MG). Após a apresentação, ele decidiu voltar para Goiânia, cidade onde mora, dirigindo seu próprio carro, que capotou.
Pedro Leonardo foi levado ao Hospital Municipal Modesto de Carvalho (em Itumbiara), onde teve coma induzido. Na própria sexta, ele se submeteu a uma cirurgia para retirada da baço e depois foi transferido de helicóptero para o hospital de Goiânia. Já no dia 24, viajou de avião-UTI para o hospital Sírio-Libanês, em SP.

Será difícil assar a pizza: CPI do Cachoeira ainda promete revelações @Reinaldo_Cruz @QB_7 @BrasliaDF

A revista diz que escândalos como esse seriam comuns em Brasília, mas que a CPI que investigará o caso coloca políticos de todos os partidos na berlinda.
A reportagem cita o envolvimento do senador Demóstenes Torres e de outros políticos – e lembra que Torres foi descrito como um homem de "princípios e convicções" em uma lista dos cem brasileiros mais influentes publicada em 2009 pela revista Época.
"Até agora, os custos políticos da investigação parecem recair sobre a oposição ao governo de centro-esquerda de Dilma Rousseff", diz o texto.
"Mas as revelações não são necessariamente um presente político para Rousseff."
PlanosSegundo a reportagem, apesar de a linha dura adotada pela presidente contra a corrupção desde o início de seu governo lhe garantir "uma reserva de credibilidade com o público", os resultados de CPIs costuma ser imprevisíveis.
"Mesmo que Rousseff saia politicamente ilesa, a investigação provavelmente irá atrapalhar alguns de seus planos", diz o artigo, citando a votação sobre a distribuição dos royalties do pré-sal e projetos de infra-estrutura para a Copa de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016, que podem ser atrasados, especialmente pelo envolvimento da construtora Delta, que está sendo investigada.
"Quanto mais a podridão na política brasileira é exposta, menor o número de políticos nos quais os brasileiros sentem que podem confiar", diz a revista.

Fonte: Jornal da Imprensa


Blairo Maggi diz: "Pagot poderá surpreender na CPI" @Reinaldo_Cruz @QB_7 @cnn_br @BrasliaDF @Dribles_

Além de influenciar nos rumos da CPI, o depoimento do ex-diretor pode ser determinante no retornou ou não do PR ao governo. Desde que perdeu os Transportes, o partido, sob comando de Blairo, aliou-se no Senado ao PTB de Gim Argello para reconquistar o espaço perdido. A presidenta Dilma Rousseff prometeu discutir o assunto numa reunião, ainda sem data. “Se o governo disser ‘não queremos vocês’, vamos atuar de forma independente”, avisa.
Padrinho político do ex-diretor do DNIT Luiz Antonio Pagot, o líder do PR no Senado, Blairo Maggi (MT), passou a semana passada tentando explicar porque seu nome e o dele são citados em diálogo entre o senador Demóstenes Torres e o bicheiro Carlinhos Cachoeira. Da conversa, interceptada pela Polícia Federal, depreende-se que Pagot sabia muito mais do que declarou aos parlamentares na ocasião da crise que derrubou a cúpula do Ministério dos Transportes no ano passado. Vítima ou cúmplice das articulações de Cachoeira, Pagot quer ser chamado a depor na CPMI que investiga o esquema. “Ele está descontrolado, é um fio desencapado”, alerta Blairo, que tem procurado marcar distância do antigo aliado. “Pagot é maior de idade, tem CPF e opinião própria.”

Fonte: Revista Isto É


STJ pode julgar terça habeas Corpus de Cachoeira @Reinaldo_Cruz @BrasliaDF @Assuntosdegoias @Dribles_

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) pode julgar amanhã habeas corpus que pede a libertação de Carlos Cachoeira. Caso isso não ocorra, é grande a chance de ele comparecer à CPI que investiga seus negócios na condição de presidiário.

A informação é da coluna de Mônica Bergamo, publicada na edição desta segunda-feira da Folha.

É que até o dia do depoimento, 15 de maio, não haverá mais sessão no tribunal.

Mercados reagem mal após eleições na França e na Grécia @Reinaldo_Cruz @BrasliaDF @Assuntosdegoias

As bolsas europeias abriram em queda nesta segunda-feira (7), com os investidores receosos sobre uma possível mudança nas políticas de austeridade na França e na Grécia devido aos resultados nas eleições dos dois países.
Perto das 7h, o índice geral da Bolsa de Valores de Paris, o CAC-40, operava em queda de 0,56%. O índice seletivo FTSE MIB da Bolsa de Valores de Milão tinha leve alta de 0,04% e o principal indicador da Bolsa de Valores de Madri, o Ibex-35, tinha baixa de 0,45%.
O Euro abriu em baixa no mercado de divisas de Frankfurt, cotado a US$ 1,2993, frente ao US$ 1,3114 da sessão anterior.
O barril de petróleo Brent para entrega em junho abriu nesta segunda-feira em baixa no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, cotado a US$ 112,39, menos US$ 0,79 em relação ao fechamento da sessão anterior.
Neste domingo, o socialista François Hollande derrotou Nicolas Sarkozy, tendo 51,7% dos votos. Em seu discurso da vitória, ele afirmou que a "austeridade não pode ser uma fatalidade”.


Seguidores